Duchas e Chuveiros

Produtos encontrados:1457

Comparar

Clique em "Comparar" para exibir a comparação: produto(s) selecionado(s)

Adicionar

Produto(s) selecionado(s) para adicionar à Lista de Casamento.

Comparar

Clique em "Comparar" para exibir a comparação: produto(s) selecionado(s)

Duchas e chuveiros

  • Vazão de água e opções de temperaturas são características que devem ser observadas

    Depois de um dia inteiro de trabalho nada melhor do que chegar a casa e tomar um delicioso e relaxante banho. Mas, para garantir que esse momento seja realmente bom, é fundamental contar com uma ducha ou chuveiro de qualidade, capaz de distribuir a água na quantidade e na temperatura adequadas.

    A diferença entre os produtos

    Basicamente a ducha e o chuveiro podem ser diferenciados quanto à quantidade e pressão da água. O primeiro item costuma oferecer maior vazão para o líquido, o que resulta num jato mais forte. Já o segundo, proporciona um jato menos potente, porém, mais aquecido, graças à resistência elétrica presente no equipamento.

    Duchas

    Alguns modelos de ducha necessitam de um sistema de aquecimento autônomo, cujo funcionamento depende de gás ou de energia solar. Entretanto, muitos fabricantes já produzem exemplares elétricos. Hoje boa parte desses produtos pode ser ligada à rede de eletricidade e possui resistências, como os chuveiros comuns.

    A grande vantagem desse tipo de artigo para a casa é que o jato é mais concentrado e sua direção, muitas vezes, acompanha o design da ducha ou pode ser ajustada de acordo com a preferência do usuário. Algumas versões admitem a regulagem da altura e do ângulo, garantindo maior conforto e relaxamento durante o banho.

    Há modelos que também permitem ajustes em relação à saída da água. O usuário pode selecionar um jato soft, fechado ou aberto. As alternativas de temperatura variam bastante, mas, o comum é que esses aparelhos apresentem 4 níveis de aquecimento distintos.

    Para garantir maior segurança, muitos desses itens vêm com resistência blindada, que isola a corrente elétrica da água, e possuem sistema corta-corrente, evitando curtos-circuitos e choques durante o banho.

    Para quem já tem aquecedores solares ou a gás instalados na residência ou deseja diminuir o consumo de energia, vale apostar nas duchas que não possuem sistema interno de aquecimento ou em exemplares híbridos. Estes equipamentos não só funcionam com qualquer tipo de aquecedor, como também podem ser ligados à rede elétrica, nos dias mais frios.

    Temperatura

    A quantidade de opções de temperatura é uma característica importante tanto das duchas elétricas quanto dos chuveiros. Tradicionalmente esses produtos oferecem três alternativas: modo desligado, que não aquece a água; modo verão, que esquenta com metade da potência da resistência; e modo inverno, que usa toda a sua capacidade de aquecimento.

    No entanto, há artigos com quatro níveis de temperatura: fria, econômica, quente e superquente. Esses exemplares são indicados para localidades muito frias ou com grande amplitude térmica, ou seja, lugares nos quais o clima varia bastante durante o ano.

    Tensão e potência

    Boa parte das duchas está disponível em duas versões. Uma para redes de 110 V e outra para as instalações elétricas que operam com 220 V. O tipo de tensão também influencia na potência. Os aparelhos costumam oferecer em média 5.500 W, quando instalados em redes de 110 V, e 6.500 W ao serem utilizados numa rede de 220 V.

  • Departamentos